sexta-feira , julho 19 2019
Página Inicial / Goiás / Em Pilar de Goiás reeleito o primeiro prefeito da história política

Em Pilar de Goiás reeleito o primeiro prefeito da história política

savio

Renovação que surgiu das urnas”. Em um artigo do jornalista Helton Lenine, publicado no Jornal Diário da Manhã hoje (11/11) mostra os políticos que saíram vitoriosos nas prefeituras goianas, entre eles o jovem prefeito de Pilar de Goiás, Sávio Soares (PMDB), reeleito para mais um mandato.

Na reportagem, quando se refere ao prefeito de Pilar, reeleito com alta margem de votos, ele diz: Em Pilar de Goiás, Sávio Soares (PMDB), aos 28 anos, foi reeleito prefeito, depois de apresentar-se como “gestor eficiente” e “político ético” na cidade.

savio-dm-1
Foto Montagem (Diário da Manhã)

Segundo o jornalista, as eleições municipais deste ano, mais do que as outras, apresentaram um forte apelo popular: o de renovação na prática política e exigência de um discurso voltado para a gestão com eficiência. E o que se viu, nas urnas, foi a vitória de candidatos, País afora – e Goiás não foi diferente – em que se apresentavam como antipolítico ou apolítico. Exemplos: Marcelo Crivella (PRB) no Rio de Janeiro, Alexandre Calil (PHS) em Belo Horizonte, João Dória (PSDB) em São Paulo.

A principal surpresa das eleições municipais deste ano em Goiás veio de Aparecida de Goiânia, segundo maior colégio eleitoral do Estado: Gustavo Mendanha (PMDB). Vereador pelo segundo mandato (presidente da Câmara Municipal), 33 anos Gustavo ganhou as eleições para prefeito com 69,9% dos votos válidos, enfrentando dois políticos tradicionais da cidade: Marlúcio Pereira (PTB) e Alcides Ribeiro (PSDB) já no primeiro turno. Teve o apoio decisivo do prefeito Maguito Vilela (PMDB), que tem 70% de aprovação popular, mas o discurso de renovação política falou mais alto.

Em Anápolis, terceiro maior colégio eleitoral do Estado, a surpresa foi o empresário Roberto Naves, proprietário do Colégio Órion, que venceu as eleições para a prefeitura derrotando o prefeito João Gomes (PT). Roberto apresentou-se como o “novo na política anapolina”. Apesar dos bombardeiros dos petistas, venceu as eleições com pequena margem de votos, no segundo turno.

Com a morte do ex-prefeito Zé Gomes da Rocha, o seu sobrinho, Zé Antônio, 27 anos, deputado estadual, apresentou-se como candidato a prefeito de Itumbiara, no sul do Estado. Venceu as eleições com boa margem de votos, tendo como adversário um político tradicional da cidade, o empresário e deputado estadual Álvaro Guimarães (PR).

Em Goianésia, o economista, agropecuarista e deputado estadual Renato de Castro (PMDB) desbancou do poder um poderoso grupo econômico e político, constituído pelo ex-governador Otávio Lage de Siqueira, O prefeito Jalles Fontoura (PSDB) não conseguiu a reeleição.

O jovem Rafael Melo (PSDB) venceu, com folga, a disputa pela Prefeitura de Ceres, no Vale do São Patrício. É filho do ex-prefeito e ex-deputado estadual médico Valter Melo. A mãe, Vanda Melo, já foi deputada estadual.

O empresário Zilomar Oliveira (PSDB) surpreendeu em Jaraguá, ao derrotar o ex-prefeito Lineu Olímpio (PTB), tradicional político da cidade.

Em Minaçu, a renovação foi o empresário Nick Barbosa (DEM), que derrotou um político tradicional, o ex-deputado estadual e federal Carlos Alberto Leréia.

Também com o discurso da renovação, Dr. José Luiz (PSDB) derrotou o grupo do prefeito Jakes Rodrigues (PMDB).

Walmir Pedro (PSDB) conquistou expressiva vitória em Uruaçu, no Norte do estado.

savio-dm-2

Veja também

Como fazer traduções com a câmera do celular usando o Google Tradutor

Como fazer traduções com a câmera do celular usando o Google Tradutor Google Tradutor já …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.