quinta-feira , julho 2 2020
Página Inicial / Goiás / Audiência realizada pelo MP define providências para regularizar fornecimento de água e luz em Itapaci

Audiência realizada pelo MP define providências para regularizar fornecimento de água e luz em Itapaci

Audiência Pública realizada em Itapaci. Fotos: Jornal Vale Notícia

O Ministério Público de Goiás promoveu nesta segunda-feira (2/12) a noite audiência pública em Itapaci, na Câmara Municipal, para tratar dos problemas de fornecimento irregular de água e energia elétrica em toda a comarca, que abrange ainda os municípios de Guarinos, Hidrolina e Pilar de Goiás. De acordo com o promotor Francisco Borges Milanez, titular da Promotoria de Justiça de Itapaci, o objetivo foi o de buscar a melhoria na prestação dos dois serviços, pela indicação de resolução das demandas pelos representantes das duas empresas, que estiveram presentes.

Assim, foi apontado que o fornecimento de energia está irregular, com muitas oscilações de potência e com grande queda de voltagem, havendo, portanto, a necessidade de melhoria do sistema. Também foram apontadas deficiências quanto à qualidade e agilidade no atendimento ao cliente e quanto à atuação do escritório de apoio mantido pela Enel na comarca. Foi debatida ainda a elaboração de um cronograma de investimentos da Saneago e Enel na cidade visando à melhoria nos serviços.

Presentes à audiência, os prefeitos: de Itapaci, Mário José Salles;
Guarinos, José Antônio e de Hidrolina, Zazá Elói. Foto: Jornal Vale Notícia

Como solução, a empresa Saneago apresentou um contrato de programa firmado com o poder público local e afirmou que serão adotadas até 2021 todas as medidas destinadas à melhoria do serviço na comarca (cidades de Itapaci, Guarinos, Hidrolina, Pilar de Goiás), cumprindo contrato apresentado à Promotoria de Justiça durante a audiência pública. No tocante à melhoria do serviço quando há queda de energia, a Saneago informou de depende do auxílio da Enel para restabelecer o fornecimento de água.

Já a empresa Enel comprometeu-se a melhorar o serviço prestado e sustentou que no prazo de 15 dias irá encaminhar seu cronograma de investimentos e de melhoria dos serviços à Promotoria de Justiça de Itapaci. A empresa também garantiu que vai melhorar a qualidade do serviço prestado por meio de seu escritório de apoio em Itapaci, informando que já aumentou a equipe que atende a região.

No tocante a problemas relatados de forma individual pelos consumidores (queda de potência e outros), a empresa sugeriu que tais pendências sejam relatadas direto à empresa, de forma individual, sendo aberto um protocolo de atendimento para cada caso. Foi aberta oportunidade para os moradores presentes à audiência relatarem seus problemas individuais e buscarem uma resposta da empresa. O representante da Enel anotou as demandas e comprometeu-se a oferecer uma resposta concreta a cada consumidor que apresentou a reclamação.

Precariedades na comarca

Durante a audiência, os prefeitos de Hidrolina, Osvaldo Moreira Vaz; Itapaci, Mario José Salles, e Guarinos, José Antônio da Silva puderam apresentar as demandas dos municípios relacionadas ao fornecimento de água e energia e solicitar providências por parte dos representantes da empresa Enel e Saneago. Ao final, foi aberta a palavra novamente à sociedade, a qual criticou o serviço de água e energia prestados na comarca, exigindo melhorias e fazendo sugestões. Os moradores apresentaram ainda um apelo para que as empresas tratem os consumidores com mais atenção.

Antes de encerrar a audiência, o promotor Francisco Milanez compilou as principais reclamações e sugestões, elaborou uma ata e entregou às empresas para as providências cabíveis. O promotor asseverou que vai continuar acompanhando os serviços na cidade e que a audiência pública foi o primeiro passo para iniciar as tratativas com a Enel e a Saneago no sentido de melhorar a prestação do serviço.


Promotor de Justiça Francisco Milanez 

Participaram ainda da reunião vereadores de Itapaci, o juiz Eduardo de Agostinho Rico, o advogado representante da Enel, Carlos Fernandes Santos Nascimento; o responsável pelo atendimento presencial da Enel, Edsione Vieira da Silva; o ouvidor da Enel Distribuição Goiás, André Luiz Santana; o responsável pela área técnica da Enel Distribuição Goiás, Jean Carlos; o gerente regional da Saneago em Ceres, Rubens Barbosa da Silva, e o engenheiro supervisor técnico da Saneago, Regional de Ceres, Leandro Chaves Espíndula. (Texto: Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO-Fotos: Jornal Vale Notícia)


 Juiz da comarca de Itapaci, Eduardo de Agostinho Rico
Prefeito de Itapaci Mário José Salles
Prefeito de Guarinos José Antônio
Prefeito de Hidrolina Zazá Elói
Presidente da ACOMITA_CDL de Itapaci, Aparício Jorge Rodrigues

Veja também

Apostas de Caiado em Ceres e Jaraguá deixam governo para disputar mandato de prefeito

E ainda: Danilo Gleic, Eurípedes José do Carmo, Paulo Vitor e Vanuza Valadares são destaques …