segunda-feira , setembro 28 2020
Página Inicial / Goiás / Câmara Municipal de Itapaci devolve 103.000,00 mil reais de duodécimo à Prefeitura

Câmara Municipal de Itapaci devolve 103.000,00 mil reais de duodécimo à Prefeitura

A Câmara Municipal de Itapaci, através da Mesa Diretora, que tem como presidente o vereador José Carlos Xinha e vice-presidente Pedro Teles Neto (Peu do Sindicato), repassou à Prefeitura de Itapaci, R$ 103.000,00 mil do duodécimo do Legislativo Municipal. A orientação é de que a prefeitura possa usar os recursos para auxiliar nas ações contra a disseminação do Coronavírus. As transferências foram feitas para uma conta do município.

“Estamos aqui para ajudar, diferentemente do
que pregam algumas pessoas”, afirma o presidente José Carlos 

O presidente José Carlos Xinha, enfatizou o trabalho conjunto de vereadores e servidores, para gerar essa economia. “Isso se chama gestão, responsabilidade com dinheiro público. Não se faz gestão se não tiver equipe unida, então todos têm sua parcela de contribuição. A Câmara continua honrando seu compromisso de economizar. Por isso, agradeço aos vereadores, aos servidores desta Casa que colaboram para podermos administrar de forma harmoniosa e transparente, visando atender os anseios da população”, pontua José Carlos.

Já o vice-presidente Pedro Teles Neto (Peu do Sindicato), acredita que a atual Mesa Diretora vem realizando o dever de casa. “Com o apoio de todos estamos superando desafios e obtendo conquistas e muitas vitórias. Estamos devolvendo esses recursos em um momento em que as prefeituras passam por muitas dificuldades e a de Itapaci não foge a regra. O prefeito irá aplicar esses valores onde achar devido e nós apenas cumprimos a lei, pois é previsto que o valor não gasto deve ser devolvido aos cofres públicos. A Câmara de Itapaci vem destoando de muitas outras cidades, já que não esbanja o dinheiro público e gera essa economia, que poderá ser utilizada em outros setores do município”, como nas ações contra o coronavírus, por exemplo”, ressaltou Peu.

De acordo com o presidente da Câmara, José Carlos Xinha, o repasse seria devolvido no final do ano, para auxiliar a Prefeitura nos problemas mais urgentes, entre outras coisas, quitar parte da folha salarial dos servidores, mas devido as dificuldades pelas quais os municípios passam no momento, principalmente, quando se refere às constantes quedas de receitas, decidiram antecipar a devolução, para que a prefeitura possa usar nas ações de combate ao CONVID-19, como sugestão. “Estamos aqui para ajudar, diferentemente do que pregam algumas pessoas”, afirmou o presidente.

O valor é fruto do controle de gastos realizado pela Câmara durante o primeiro semestre deste ano. Conforme explicou José Carlos, algumas prioridades do Legislativo foram colocadas em segundo plano para que a Casa pudesse contribuir, mais uma vez, com as dificuldades financeiras do Município. “Esse é um trabalho de gestão em que os vereadores e o setor técnico e contábil da Casa têm realizado para economizar recursos, a fim de mostrar que é possível economizar sim, de forma prioritária”, ressaltou o presidente.

POR: FLÁVIO DUARTE EM 23/03/2020

Veja também

Servidor público de Goianésia é exonerado após ofensas machistas a professora

Funcionário também menosprezou profissionais com formação em pedagogia. “Uso para limpar a bunda”, disse sobre …