sábado , julho 21 2018
Página Inicial / Itapaci / Itapaci poderá fazer parte do Programa de Moradias do Governo de Goiás

Itapaci poderá fazer parte do Programa de Moradias do Governo de Goiás

santillo-9

O governador Marconi Perillo determinou, nesta sexta-feira, dia 6, que sejam intensificadas as ações de redução do déficit habitacional no Estado, conforme meta do Programa Goiás Mais Competitivo (GMC). Explicou que a prioridade será concluir os projetos já em andamento e acelerar o planejamento do biênio 2017/2018 para que novos empreendimentos sejam iniciados. Pediu “ousadia” na execução dos programas habitacionais durante reunião com vários secretários do governo, além da superintendente regional da Caixa Econômica, Marise Fernandes e representantes da Celg e da Saneago.

Prefeituras

Marconi Perillo apontou a necessidade de ampliação das parcerias com as prefeituras e que deve ser dada prioridade aos prefeitos que se dispuserem a ajudar o Governo do Estado no combate ao déficit habitacional. De acordo com o governador, a intenção é praticamente zerar a falta de moradias nos pequenos municípios e, ao mesmo tempo, atacar o problema nas cidades onde a necessidade é maior.

O governador também determinou que as secretarias de Gestão e Planejamento, Governo e a Agehab acelerem as conversas com os prefeitos. De acordo com Marconi, um dos entraves que precisam ser solucionados é a doação e a regularização dos terrenos.

Itapaci

A cidade de Itapaci, dentre todas as outras da região, ao longo dos anos, foi única, a não receber praticamente nenhum projeto habitacional do Governo de Goiás e muito menos da União. Desde a construção do Mutirão da Moradia, na Vila Santana, ainda na primeira gestão do prefeito Adedi José Santana, apenas 49 casas foram edificadas pela Agehab em Itapaci (Residencial Flamboyant) e, que ainda não estão totalmente prontas.

santillo-1
Início da efificação da Vila Santana. FOTOS: SINVAL CORREIA DE BRITO

santillo-3

santillo-6-a
Residencial Flamboyant – projeto da Agehab com 49 residências. O único em Itapaci. Foto: Jornal Vale Notícia

 

Seguramente, com mais de 25.000 habitantes, o município de Itapaci conta com um déficit enorme de moradias. É uma cidade pacata onde não há favela, sem teto ou morador de rua. Apesar dessa situação, até certo ponto singular, é possível encontrar centenas de famílias que precisam desembolsar boa parte da renda mensal para arcar com aluguel. O ônus excessivo é uma dos componentes do déficit habitacional.

O que se espera agora, com essa nova gestão, e com o interesse do Governo de Goiás em reduzir o deficit habitacional nos estados, principalmente nos pequenos municípios, é que a comunidade itapacina seja beneficiada com a edificação de muitas moradias. Centenas de famílias aguardam ansiosas que o novo prefeito adquira essa área e a coloque à disposição da Agehab para que seus sonhos da casa própria possam, finalmente, serem realizados.

Veja também

Prefeitura de Itapaci adquire aparelho de Raio-X moderno e de última geração

Prefeito Mário Salles vem promovendo verdadeira revolução na saúde do município de Itapaci     …