quinta-feira , maio 28 2020
Página Inicial / Goiás / Mestre em Direito, Willian Machado é a aposta de Caiado para a Prefeitura de Crixás

Mestre em Direito, Willian Machado é a aposta de Caiado para a Prefeitura de Crixás

O advogado afirma que, se eleito, vai trabalhar para gerar empregos e melhorar a renda do povo do município

Ronaldo Caiado e Willian Machado: amigos e aliados históricos | Foto: Divulgação |

O professor e advogado Willian Machado é o pré-candidato do DEM a prefeito de Crixás, uma das cidades históricas de Goiás (produz muito ouro até hoje). Mais do que mero postulante do Democratas, o mestre em Direito Público é bancado pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado. Os dois são aliados e amigos. O professor universitário acompanha Caiado há anos — desde 2000, quando o nome DEM era PFL —, portanto não é um dos aliados circunstanciais, não é um dos “amigos do poder”.

Experimentado, Willian Machado foi vereador em Crixás durante oito anos, pautando-se por uma atuação altamente técnica e polêmica. Ele sempre exigiu rigor na aplicação do dinheiro público. “O dinheiro do Erário resulta da produção da sociedade, por isso não pode ser desviado. Como parlamentar, nunca faltei a uma sessão.”

Quando se propôs ser candidato a prefeito, Willian Machado decidiu fazer um curso sobre o setor público e investigou os problemas principais de Crixás. Mas não se preocupou tão-somente com o diagnóstico dos problemas. Ele vai propor soluções também (noutra eleição, quando foi candidato a prefeito, registrou seu programa de governo no cartório e deu publicidade ao seu conteúdo, debatendo-o com a sociedade civil).

Willian Machado: “A Prefeitura de Crixás tem recursos e para certos
projetos teremos o apoio dos governos estadual e federal” | Foto: Reprodução

Se eleito, Willian Machado sublinha que vai se concentrar, no primeiro ano, em 2021, em três frentes. “Eu tenho um projeto de crescimento e desenvolvimento para Crixás. Aliás, o projeto pode beneficiar até as cidades vizinhas.”

“Um dos principais problemas de Crixás é a falta de empregos e, ao mesmo tempo, a renda baixa de seus moradores. Portanto, se eu for eleito, vou trabalhar para atrair indústrias. Mas não só. Com o apoio dos governos estadual — Caiado me apoiará — e federal, vou pôr em ação um programa de apoio a 500 famílias de Crixás para que possam criar seu próprio negócio, seu comércio. O objetivo é torná-las independentes”, frisa Willian Machado.

A criação de um polo industrial integra a plataforma do pré-candidato. “Crixás é uma cidade estratégica, e fica próxima das rodovias GO-4 e BR-153. O município tem universidade, bons colégios e comércio estruturado. A prefeitura tem recursos para investir.”

Se eleito, Willian Machado frisa que pretende valorizar a unidade local da Universidade Estadual de Goiás. “A UEG de Crixás tem um belo prédio, mas apenas um curso. Já falei com o governador Ronaldo Caiado e, se eleito, vou falar de novo a respeito da ideia de criar um polo universitário, pois há 20 cidades próximas e, por isso, podemos formular um projeto integrado. O prefeito precisa falar com o reitor da UEG e deve disponibilizar uma casa de passagem para os professores que vierem dar aulas na cidade. Insisto num ponto: o prefeito necessita ter vontade política. Tem de ser realista, mas não pode pensar pequeno. A criatividade e a vontade de fazer são fundamentais.”

“No primeiro ano de governo, se for eleito, vou criar um loteamento para acolher pessoas que não têm casa ou pagam aluguel alto em Crixás. Vou buscar o apoio da Agência de Habitação (Agehab) e do programa Minha Casa Minha Vida. Meu objetivo é que as pessoas tenham um loteamento que lhes dê dignidade. Quando prefeito, meu pai, André Machado Azevedo, fez o Setor Pedro Machado — com 570 lotes. Lá as pessoas têm água tratada, energia elétrica, colégios, avenidas asfaltadas e escritura dos imóveis. Até hoje é uma referência. Eu quero dobrar o número de lotes e construir outro bairro-referência. As pessoas devem ser tratadas com dignidade pelo setor público”, frisa Willian Machado.

Crixás, assinala Willian Machado, tem quase 20 mil habitantes e quase 13 mil eleitores. “Quero dizer a todos que estou preparado para fazer uma gestão criativa e que, ao mesmo tempo, respeite os recursos públicos.”

Fonte: Jornal Opção

Veja também

Pré candidatura de Marlenilton (DEM) cresce e avança em Pilar de Goiás

Desde que seu nome foi indicado pela cúpula do DEM como pré candidato a prefeito …