sexta-feira , julho 19 2019
Página Inicial / Goiás / Morte de Cristiano Araújo completa 4 anos; ‘Cada dia fica mais difícil’, diz o pai

Morte de Cristiano Araújo completa 4 anos; ‘Cada dia fica mais difícil’, diz o pai

Cantor e a namorada Allana Moraes morreram após acidente em Morrinhos, na volta de show. Irmão Felipe Araújo fez homenagem em show e na rede social, assim como fãs

Cristiano Araújo e a namorada, a estudante Allana Moraes, morreram
há quatro anos em um acidente de carro — Foto: Arquivo Pessoal 

Há exatos quatro anos um acidente na volta de um show, em Goiás, interrompia a carreira do cantor Cristiano Araújo, aos 29 anos. Ele e a namorada Allana Moraes, de 19, morreram após o carro onde estavam capotar. Nos últimos dias, o irmão dele, o também cantor Felipe Araújo, e o pai, João Reis, postaram homenagens ao Cristiano. “Cada dia que passa parece que fica mais difícil”, postou Reis.

Nesta segunda-feira (24), fãs de todo o Brasil programaram uma espécie de “blitz” nas rádios para pedir que seja tocada pelo menos uma música do Cristiano. De acordo com a irmã gêmea do cantor, Ana Cristina de Melo Araújo, a família está tentando programar para a próxima quarta-feira (26) uma missa na Igreja Nossa Senhora da Assunção em Goiânia, onde o sertanejo costumava frequentar.

O primeiro a postar uma lembrança na rede social com o Cristiano Araújo foi o irmão Felipe. Na última quinta-feira (20), ele publicou uma foto dos dois e comentou sobre a saudade.

“Essa noite eu sonhei com você. Foi tão real que, quando eu acordei, demorei uns 10 minutos para lembrar que tinha sido um sonho e que a vida não é mais tão feliz quanto era antes, com você. Que saudade. Te amo demais, meu menino #tbt”, postou o cantor.

Postagem de Felipe em homenagem ao irmão teve mais de meio
milhão de curtidas — Foto: Redrodução/Instagram

No dia seguinte, Felipe também homenageou o irmão na festa do Peão de Americana (SP). Ao cantar a música “Você mudou”, de Cristiano, Felipe se emocionou enquanto fotos e vídeos do irmão passavam no telão do palco. Ele ainda pediu uma salva palmas para Cristiano e Allana.

Foi compartilhando essa homenagem de cima do palco que o pai deles, João Reis, postou também em uma rede social um texto para o filho morto, onde falou das suas dor e força.

“A cada dia que passa parece que fica mais difícil, pois em todos os lugares que passamos sinto que a presença de você, meu filho, fica cada vez mais forte, e todas as pessoas que chegam perto de mim e me dão um abraço falam que é como se estivessem abraçando você”, postou o pai.

João Reis comentou ainda da força que sente vinda do filho. “Tenho a certeza que você está junto de mim o tempo todo. Sei que tudo isso é porque você está o tempo todo do meu lado! Muito obrigado por me fazer ser fortão a ponto de dar conta de seguir em frente”, finalizou ele.

G1 tentou falar com o Felipe Araújo e o João Reis, mas, de acordo com Rafael Vannuci, que é produtor de Felipe e também era de Cristiano, eles preferem não dar entrevistas sobre o assunto.

“O Felipe e o senhor João preferiram ficar quietinhos. Enfim, é difícil né? Um momento complicado demais para a gente”, disse Rafael.


João Reis, pai de Cristiano Araújo, fez uma homenagem
para ele na rede social — Foto: Reprodução/Instagram

Missa pode ser na quarta

O produtor Rafael Vannuci falou também sobre a possibilidade da missa em homenagem ao casal na próxima quarta-feira. “Ainda não está definido, mas se tiver será na quarta-feira”, informou.

Ana Cristina, irmã de Cristiano, disse que na quarta é provavelmente quando o pai e o irmão Felipe estarão em Goiânia, já que estão viajando por conta da agenda de shows do cantor. “Até lá todo mundo deve ter chegado”, afirmou.

Sobre saudade do irmão gêmeo, ela falou que evita falar sobre o que aconteceu. “É um mês muito complicado, muito doloroso, eu evito até ficar comentando sobre o assunto”.

A Paróquia Nossa Senhora da Assunção, no Conjunto Itatiaia, é a mesma onde Cristiano frequentava e chegou a cantar durante uma celebração. Na igreja, também ocorreram as missas de sétimo dia dele e dos outros anos de morte. As celebrações foram feitas padre Marcos Rogério, que era amigo do Cristiano. Todas as quartas, às 19h30, acontece na paróquia a Missa da Família.

Missa deve ocorrer na mesma paróquia onde aconteceram outras celebrações
para lembrar Cristiano Araújo e Allana Moraes, em Goiânia — Foto: Sílvio Túlio/G1 

Fãs se mobilizam pelo cantor

Seja nas redes sociais ou ligando para as rádios, os fãs do cantor Cristiano Araújo não deixam que sua memória e talento sejam esquecidos. Tanto que em abril deste ano o perfil oficial do cantor no Instagram saiu do ar, e houve uma grande mobilização até que voltasse.

As postagens em homenagem ao músico ganham ainda mais força próximo à data da sua morte. “Saudades, dia 24 de junho faz 4 anos sem ele… sem esse sorriso, esse rosto lindo e essa voz encantadora”, comentou uma das fãs na postagem do Felipe.

Para quem acompanhava o Cristiano antes mesmo do sucesso nacional, fica, além da saudade, o desafio de seguir propagando o nome e as música dele. É o que faz um grupo de admiradores do cantor no WhatsApp chamado o “Causador de Efeitos”.

“Ele ficou conhecido pela música Efeitos, então virou o Causador de Efeitos. Nesse grupo temos pessoas de todos os estados unidas pelo amor ao Cristiano. Essa data é sempre difícil para todos nós, mas vamos fazer uma blitz ligando para todas as rádios do país e pedindo que toque uma música dele”, disse vendedora Fernanda Ribeiro Dias, 50 anos, que é moradora de Anápolis.

“Muita gente também vai ao túmulo dele em Goiânia para prestar homenagem”, completou ela. (Por Rodrigo Gonçalves)

Carro do cantor Cristiano Araújo, um Range Rover, foi levado destruído para pátio
da Polícia Rodoviária Federal em Goiás após o acidente que tirou a vida do cantor e
da namorada dele, Allana Moraes, na BR-153.
Foto: Marcos Antonio Costa/Futura Press/Estadão

Fonte: G1 – GOIÁS

Veja também

SÓ ALEGRIA NO ACAMPAMENTO DA ASSOCIAÇÃO DOS CAVALEIROS NA ROMARIA DE GUARINOS

Nesse ano uma inovação, apresentação da Folia de Nossa Senhora da Penha Após as orações …