sábado , julho 21 2018
Página Inicial / Goiás / Na posse da AGM, Marconi inicia parceria com os novos prefeitos

Na posse da AGM, Marconi inicia parceria com os novos prefeitos

marconi-2
Por meio da Juceg, Marconi firmou um termo de cooperação técnica entre o governo e as prefeituras (Foto: Eduardo Ferreira/ Goiás Agora)

 

Um dia após ter concluído a maratona de audiências com 244 dos 246 prefeitos (faltam os prefeitos de Catalão e de Marzagão), o governador Marconi Perillo voltou a reencontrar quase uma centena deles durante a eleição e posse da nova diretoria da Associação Goiana dos Municípios. As cerimônias conjuntas foram realizadas nesta quarta-feira (22) na entidade, no Setor Sul, em Goiânia. Por aclamação, foi eleito para substituir Cleudes Baré, o prefeito de Hidrolândia, Paulo Sérgio de Rezende.

Para estreitar os laços de amizade e fortalecer as parceiras com a entidade, o governador reservou para a solenidade a assinatura do termo de cooperação técnica entre o Governo do Estado, através da Juceg, com a AGM objetivando o desenvolvimento da implantação do projeto Siga Fácil, impulsionando a rede nacional para a simplificação do registro e a legalização de empresas e negócios à rede Sim no Estado.

No discurso de despedida, Baré, ex-prefeito de Bom Jardim de Goiás e atual superintendente na Secretaria de Saúde, agradeceu o governador pelos anos de parceria: “A minha eterna gratidão pelas parcerias que fizemos e pela consideração que o senhor sempre teve comigo e com a AGM”.

O novo presidente da entidade testemunhou a importância do governador na viabilização de várias administrações municipais. “Nós, prefeitos, sabemos o quanto o senhor foi importante para as nossas administrações. Obrigado por tudo o que o senhor representa para Goiás e para o Brasil. O senhor é exemplo de administrador para toda a nação”, sintetizou Paulo Sérgio.

O vice-governador José Eliton disse que o governador tem todo o seu olhar voltado aos municípios goianos. “Eu testemunhei a angústia do governador nos anos de 2015/16, anos difíceis em razão da crise vivida pelo Brasil. Ele soube atuar com muito zelo e precaução, construindo as bases que garantiram que Goiás fosse o primeiro Estado a sair da crise”, declarou.

Marconi cumprimentou os ex-prefeitos e ex-presidentes da AGM, Itamar Leão e o Márcio Cecílio Ceciliano, que abriram mão de concorrer à presidência da entidade em nome do consenso que aclamou Paulo Resende como novo dirigente. “Se desprenderam de seus desejos de serem presidentes em nome do consenso. Seria muito triste se chegássemos hoje aqui e presenciássemos um ambiente de disputa. Fosse quem fosse o vencedor, todos nós sairíamos menores desta disputa”, considerou.

Ele lembrou ter concluído na noite anterior o atendimento a 244 prefeitos. “Já cataloguei e dividi todos os pedidos por área. Brevemente, começo a receber os secretários e presidentes das empresas para acertarmos as prioridades”, anunciou.

Destacou que nos próximos dias o governo começará a chamar os prefeitos para a assinatura dos convênios. O vice-governador José Eliton, coordenador do Plano de Investimentos, ficará encarregado de acertar os convênios com os prefeitos.

“Tive o cuidado de ouvir a todos. Agora vamos viabilizar os recursos para atendê-los. Vocês, prefeitos, representam a esperança de dias melhores para as suas comunidades”, declarou antes de encerrar o breve discurso reafirmando “o meu compromisso de manter as portas do governo abertas a todos os prefeitos que são a base da política e da administração de Goiás”. Fonte: Mais Goiás

Veja também

Prefeitura realiza com sucesso mais um mutirão de saúde em Pilar Cruz

    POR FLÁVIO DUARTE EM 18/07/2018 A Secretaria Municipal de Saúde realizou nesta quarta-feira …