terça-feira , agosto 21 2018
Página Inicial / Polícia / PM prende quadrilha suspeita de roubar carros e fazendas na região de Goianésia

PM prende quadrilha suspeita de roubar carros e fazendas na região de Goianésia

Com os suspeitos, a polícia encontrou carros roubados, armas, além de vários objetos que foram subtraídos de fazendas. Eles foram autuados na Delegacia de Goianésia

(Foto: Divulgação/ PM)

 

Quatro pessoas foram presas na tarde desta segunda-feira (30) suspeitas de envolvimento em roubos de carros e de fazendas na região de Goianésia. Equipes do Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) chegaram até os suspeitos em Anápolis. Com eles, os policiais encontraram carros roubados, armas, entre outros objetos subtraídos de propriedades rurais.

Tudo começou quando os policiais receberam uma denúncia de que um homem, identificado como Cláudio Macedo de Souza, de 36 anos, vendia um veículo, Fiat Strada, com procedência duvidosa. Na casa do suspeito, policiais verificaram que o veículo havia sido roubado no dia 26 de julho, juntamente com diversos objetos.

Questionado sobre o crime, Cláudio afirmou ter comprado o carro finan por R$6 mil de um rapaz chamado Wanderson, o qual ainda teria oferecido a ele um outro veículo, pelo mesmo valor, mas que precisaria ser buscado por Cláudio em um posto de combustíveis em Anápolis.

Com informação do local e horário do encontro, equipes do GPT foram até o município, onde perceberam a chegada de um Fiat Strada Adventure, que se tratava de um carro roubado no último domingo (29), em Nerópolis. Naquela ocasião, além do veículo, suspeitos levaram objetos da casa da vítima.

No carro os policiais abordaram os irmãos Wanderson Miranda de Oliveira, de 31 anos, e Jallis Miranda de Oliveira, de 28. Durante a entrevista, Wanderson, com documento falso, se apresentou com outro nome, mas teve a identidade real revelada pela polícia. Na sequência, os agentes constataram a existência de um mandado de prisão pelo roubo do referido carro e deram voz de prisão aos suspeitos, que posteriormente confessaram a autoria dos dois roubos mencionados.

Na casa dos irmãos, os policiais foram recebidos por Naiane Rodrigues da Costa, que se apresentou como esposa de Wanderson. Durante a busca domiciliar, a corporação encontrou duas armas de fogo calibre 38 e um revólver calibre 22, além de diversos objetos roubados. Um Gol, com placas de Anápolis também foi apreendido. Segundo a PM o veículo era utilizado pelos suspeitos de cometer diversos roubos na região.

Posteriormente, os policiais se deslocaram até a residência de Rubens Miranda de Oliveira, de 30 anos, pessoa responsável pela fuga do roubo ocorrido em Nerópolis. Lá, além do suspeito, foram encontrados objetos e produtos frutos de roubo. O homem foi detido.

Rianápolis

Em Goianésia, Wanderson disse aos policias que parte dos objetos roubados foram vendidos para um indivíduo conhecido como José Simião, residente na cidade de Rianápolis. Na cidade, Simião não foi encontrado em sua residência. No entanto, com autorização do pai dele, policiais entraram na casa e encontraram objetos que haviam sido roubados na última quinta (26).

Diante do exposto, os suspeitos, juntamente com os veículos recuperados, o veículo que foi utilizado nos crimes, as armas de fogo e os objetos recuperados, foram entregues à Delegacia de Polícia de Goianésia. A polícia informou ainda que os suspeitos confessaram também terem cometido um roubo no Distrito de Souzalândia, município de Barro Alto no mês de maio quando levaram um Corolla e alguns objetos.
Fonte: Mais Goiás

Veja também

Casal de irmãos é detido suspeito de matar e arrancar orelha de mulher em Anápolis

Segundo Polícia Civil, eles são parentes de envolvidos em chacina que ocorreu na cidade há …