quinta-feira , abril 9 2020
Página Inicial / Goiás / Talles Barreto destacou avanços e legado do Tempo Novo durante posse de Caiado

Talles Barreto destacou avanços e legado do Tempo Novo durante posse de Caiado

DEPUTADO TALLES BARRETO DISCURSA PELA OPOSIÇÃO E DIZ QUE NOVO GOVERNO TEM OBRIGAÇÃO DE DEIXAR O ESTADO AINDA MELHOR. O PARLAMENTAR FEZ UM RELATO DOS GOVERNOS DO TEMPO NOVO E APONTOU O PAPEL QUE VAI DESENVOLVER AGORA NA BANCADA CONTRÁRIA AO GOVERNO QUE SE INICIA

Deputado Talles Barreto discursa na posse de Caiado. Foto: Agência de Notícias

Talles Barreto (PSDB) foi o primeiro deputado a discursar durante a cerimônia de posse do governador eleito do Estado de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM). Em nome da oposição o parlamentar destacou que a data de hoje, além de marcar o começo de um novo Governo, se destaca também pelo surgimento de uma nova oposição em Goiás. Ressaltou que a sociedade, por meio do voto, tem redefinido os papéis políticos de seus representantes, no Executivo e no Legislativo. Segundo ele, o povo exige uma gestão pública transparente e de responsabilidade e indica um caminho a ser seguido.

O deputado destacou também que Goiás viveu nos últimos tempos transformações sem precedentes desde a redemocratização e a refundação da República. “São transformações resultado de uma sequência de governos voltados para o desenvolvimento econômico e social, divididos entre as administrações do MDB, que se estenderam até os anos 90, e com a chegada dos governos do Tempo Novo, que se iniciaram no final dos anos 90”, observou.

De acordo com Talles Barreto, durante esses períodos foi consolidado o desenvolvimento, dando robustez, segurança jurídica e confiança às ações políticas e tirando Goiás definitivamente do time dos Estados mais pobres o colocando dentro do grupo de unidades da federação com os melhores indicadores sociais.

O parlamentar apresentou também conquistas e dados do último governo que, segundo ele, se traduz em números expressivos, em todas as áreas. “Marconi Perillo e José Eliton inseriram Goiás na era moderna, por meio do sensível aperfeiçoamento da máquina pública, com foco na transparência e na valorização dos servidores.”

Em relação ao futuro do Estado, Talles Barreto disse não ter dúvidas de que o novo governo terá todas as condições de realizar uma boa gestão para o povo goiano. “Apesar de todas as dificuldades que o Brasil enfrentou nos últimos quatro anos, o endividamento do Estado é o menor da história proporcionalmente, desde 1998, os serviços públicos de saúde, educação e segurança pública funcionam e a economia de Goiás, apesar de afetada pela crise econômica nacional e agravada pela greve dos caminhoneiros deste ano, emite sinais consistentes de forte retomada do crescimento para os próximos quatro anos”, pontuou.

Neste sentido Barreto ressaltou que a gestão que assume hoje não começará Goiás do zero. “Muito pelo contrário. Tem o dever, delegado pelas urnas, de manter as conquistas. Tem o direito de aperfeiçoar as ações e programas de governo, mas tem a obrigação de entregar um Estado melhor e maior do que recebeu. Os governos do MDB entregaram um Estado melhor do que receberam. Os governos do PSDB entregaram um Estado mais eficiente e melhor do que aquele que recebeu. Portanto, o governo do DEM tem a obrigação de entregar um Estado maior e melhor ainda.”

Em relação ao papel da oposição ao novo governo, o deputado destacou que será o de fiscalizar e cobrar as promessas de campanha, segundo as dimensões e prazos estabelecidos. “Estaremos acompanhando a promessa de regionalizar, ainda mais, a saúde pública do Estado, de não elevar a carga tributária, de fazer um governo transparente e acessível ao cidadão e de manter os programas de incentivos fiscais”, afirmou.

O parlamentar disse ainda que esperava um pouco mais de confiança e reciprocidade do novo governo na composição de sua equipe. “O quadro apresentado merece todo nosso respeito, mas poderia ser melhor representado pelos goianos que aqui estão e ajudam a construir nosso Estado.”

Talles Barreto finalizou seu discurso de oposição dizendo que é preciso ter humildade e trabalhar muito para que o governo realize mais para todos que estudam, trabalham, empreendem e moram em Goiás. “Gerar as oportunidades que todos os goianos anseiam para o futuro. Sabemos que a missão de um bom governante não é a de agradar a todos, mas de tomar decisões necessárias, muitas delas, difíceis e amargas, com ganhos para a coletividade, não para minorias privilegiadas. Faremos uma oposição responsável pelos goianos e para os goianos.”

Ele cumprimentou ainda os parlamentares eleitos e reeleitos e dividiu, com todos, a responsabilidade de sempre contribuírem decisivamente para o aperfeiçoamento das matérias enviadas pelo Executivo para a apreciação e votação na Assembleia. “A nova legislatura terá início em fevereiro com responsabilidade de garantir a manutenção das conquistas alcançadas com muito esforço pelo povo goiano e a missão de trabalhar para que novas conquistas e avanços venham nestes próximos quatro anos no Estado. Vamos atuar como oposição ao governo, mas não ao desenvolvimento de Goiás”, finalizou Talles Barreto, ao recitar ainda um trecho da música “Balada Goiana”, de Marcelo Barra.

Veja também

Ministro explica como será pago auxílio de R$ 600: “Não adianta ir a bancos e CRAS agora”

Projeto ainda precisa passar por sanção presidencial, emissão de decreto e implementação de sistema digital. …