terça-feira , junho 19 2018
Página Inicial / Noticias / TRAGÉDIA – Avião com jogadores da Chapecoense a bordo cai na Colômbia

TRAGÉDIA – Avião com jogadores da Chapecoense a bordo cai na Colômbia

chapecoense-2
Médicos e enfermeiros da Clínica San Juan de Dios transportam o jogador brasileiro Alan Ruschel, um dos sobreviventes do acidente com o avião que transportava o time do Chapecoense na Colômbia (Foto: Luis Eduardo Noriega A./EFE)

 

ESTADÃO CONTEÚDO COM AGÊNCIA BRASIL – O avião que transportava o time de futebol do Chapecoense sofreu um acidente na Colômbia. Segundo informações das agências internacionais, 76 pessoas morreram. Entre os sobreviventes estão Alan Ruschel, Marcos Danilo Padilha, Jackson Follmann e uma comissária. O avião da companhia aérea Lamia que levava o time catarinense caiu na madrugada de hoje (29/11), com 81 pessoas a bordo, sendo 72 passageiros e 9 tripulantes, entre os municípios de La Ceja e La Unión, na Colômbia.

A Chapecoense viajava a Medellín, onde a equipe disputaria a final da Copa Sulamericana amanhã contra o Atlético Nacional. O avião se chocou com o solo em uma região montanhosa na cidade de La Union. O Corpo de Bombeiros informou que o piloto soltou o combustível ao longo de voo para evitar uma explosão. O voo partiu de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. A causa do acidente ainda não foi esclarecida.

Mudança de voo

A delegação da Chapecoense teve de mudar seu voo para Colômbia na segunda-feira por uma decisão da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), que impediu a viagem para Medellín em um voo charter, por isso a time teve de embarcar no avião comercial que se acidentou pouco antes de chegar na cidade colombiana. Mudar de avião e deixar a cidade de São Paulo duas horas depois do previsto pelos diretores do clube catarinense foi o início de uma tragédia cuja sua verdadeira magnitude ainda é desconhecida.

A Chapecoense jogaria na quarta-feira, em Medellín, a primeira partida da final da Copa Sul-Americana, contra o Nacional de Medellín, e pretendia viajar para a cidade colombiana em um voo fretado, que não foi autorizado pela ANAC. Os diretores da equipe catarinense mudaram a programação e fizeram conexão para a Colômbia a partir do Aeroporto Internacional Viru Viru, em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, em um voo da companhia aérea LaMia.

A aeronave tipo RJ85 e matrícula CP2933, com nove tripulantes e 72 passageiros, era aguardada no Aeroporto Internacional José María Córdova, em Medellín. A comissão técnica da Chapecoense, comandada pelo técnico Caio Júnior, tinha planejado chegar na madrugada desta terça-feira ao hotel e treinar horas depois no estádio Atanasio Girardot, local da partida, o compromisso mais importante da história do time catarinense fundado há 43 anos.

O presidente do Nacional de Medellín, Juan Carlos de la Cuesta, disse estar consternado com a notícia e ao lado de outros diretores do clube seguiu para o local do acidente. Fonte: http://epocanegocios.globo.com/

chapecoense-1
Enfermeiros e paramédicos transportam sobreviventes do acidente com o avião da Lamia que transportava a equipe da Chapecoense na Colômbia (Foto: Luis Eduardo Noriega A./EFE).
chapecoense-aviao
Avião da Chapecoense saiu de São Paulo ontem à noite (Foto: Reprodução/TV Globo)

 

O avião que transportava a delegação da Chapecoense para Medellín, na Colômbia, e que sofreu um acidente na madrugada desta terça-feira (29) tinha quase 17 anos e era britânico, segundo o portal espanhol Airfleets, que reúne informações sobre as companhias aéreas civis de todo o mundo. A aeronave da LaMia, matrícula CP2933, decolou de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, com 81 pessoas a bordo: 72 passageiros e 9 tripulantes. Rádios locais dizem que a mesma aeronave transportou a seleção nacional da Argentina para uma partida no início deste mês no Brasil. Anteriormente, havia transportado a seleção da Venezuela. Fonte: http://g1.globo.com/

Veja, abaixo, a relação de quem estaria a bordo, segundo a rádio Caracol:

Delegação da Chapecoense:
Alan Ruschel: primeiro a ser resgatado, o lateral do time foi levado para o hospital; segundo o Bom Dia Brasil, o jogador chegou em estado de choque e perguntando pela família.
Ananias Monteiro
Arthur Maia
Bruno Rangel
Aiton Cesar
Cleber Santana
Marcos Padilha
Dener Assunção
Filipe Machado
Jakson Follmann
José Paiva
Guilherme de Souza
Everton Kempes
Lucas da Silva
Matheus Btencourt
Hélio Zampier
Sérgio Manoel Barbosa
William Thiego
Tiago da Rocha
Josimar
Marcelo Augusto
Mateus Lucena dos Santos
Luiz Saroli
Eduardo Filho
Anderson Araújo
Anderson Martins
Marcio Koury
Rafael Gobbato
Luiz Cunha
Luiz Grohs
Sérgio de Jesus
Anderson Donizette
Andriano Bitencourt
Cleberson Fernando da Silva
Emersson Domenico
Eduardo Preuss
Mauro Stumpf
Sandro Pallaoro
Gelson Merísio
Nilson Jr.
Decio Filho
Jandir Bordignon
Gilberto Thomaz
Mauro Bello
Edir De Marco
Daví Barela Dávi
Ricardo Porto
Delfim Pádua Peixoto Filho

Profissionais de imprensa
Guilherme Marques, da Globo
Ari de Araújo Jr., da Globo
Guilherme Laars, da Globo
Giovane Klein Victória, da RBS
Bruno Mauri da Silva, da RBS
Djalma Araújo Neto, da RBS
André Podiacki, da RBS
Laion Espíndola, do Globo Esporte
Victorino Chermont, da Fox
Rodrigo Santana Gonçalves, da Fox
Devair Paschoalon, da Fox
Lilacio Pereira Jr., da Fox
Paulo Clement, da Fox
Mário Sérgio, da Fox
Rafael Valmorbida, Rádio FM
Renan Agnolin , Rádio FM
Fernando Schardong, Rádio AM
Edson Ebeliny, Rádio AM
Gelson Galiotto, Rádio AM
Douglas Dorneles, Rádio AM
Jacir Biavatti, Rádio FM
Ivan Agnoletto, Rádio AM

Tripulação:
Miguel Quiroga
Ovar Goytia
Sisy Arias
Romel Vacaflores
Ximena Suarez
Alex Quispe
Gustavo Encina
Erwin Tumiri
Angel Lugo

 

Veja também

Uso compulsório de Smartphones pode causar depressão em adolescentes

De acordo com um estudo, a razão disso não é, necessariamente, isolamento social — e …